Managed ad

Piadas de Português

Piadas de Português - As melhores piadas de Portuga do piadas.com.br

Morando a algum tempo nos EUA, o filho do português manda um presente ao pai em Portugal.
Ao receber o pacote, Joaquim, o pai, abre o mesmo com entusiasmo dizendo:
- Que maravilha, um presentinho do Manoel, meu filhinho, que eu não o vejo a anos!
Abrindo a caixa constata que é um espelho e exclama:
- Maria, Maria!! O nosso garoto nos enviou uma moldura com o retrato dele; e comenta: mas como ele está acabado, velho e cheio de rugas - vendo sua imagem refletida no espelho.
Maria, a esposa chega para ver o "retrato" e olhando por sobre o ombro do Joaquim exclama:
- Também oh Joaquim, olha o bagulho de namorada que ele arranjou...

O português se preparava para pegar um avião e voltar para Portugal, quando uma coisa no aeroporto chamou sua atenção, era um computador com voz que identificava os passageiros sem documentos. Assim que ele passou, o computador acusou:
- Joaquim Pereira, 45 anos, português, casado,passageiro do vôo 572.
Impressionado, Joaquim voltou, foi ao banheiro, raspou o bigode e trocou de camisa. Ao passar pelo computador, a voz acusou novamente:
- Joaquim Pereira, 45 anos, português, casado, passageiro do vôo 572.
Mas Joaquim não se deu por vencido! Voltou ao banheiro passou maquiagem, colocou uma peruca loira e um vestido.
- Agora eu provo que essa máquina é burra!
E a máquina acusou de novo:
- Joaquim Pereira, 45 anos, português, casado, que por causa dessa viadagem acaba de perder o vôo 572.

Manoel chega em casa muito triste. Sua esposa Maria vai logo lhe perguntando:
-Por que você está tão abalado?
E Manoel, desolado diz:
-Acho melhor não falar nisso agora.
-Vamos me diga...
-Ah Maria, aconteceu uma tragédia...Estive no médico e ele me disse que eu vou ser castrado!
-Castrado??Por quê???
-Peguei um tal de colesterol. E o doutor me disse com todas as letras que a única solução para mim é cortar os ovos!!!

Quando surgiram as primeiras calcinhas de nylon , o governo brasileiro proibiu a importação do produto. Então a alfandega passou a controlar as bagagens femininas dos voos internacionais.

Num belo dia , após a aterrizagem de um voo de Paris , os fiscais estavam a postos.
A primeira passageira que teve sua mala vistoriada, foi acusada de contrabando por estar com 5 calcinhas de nylon. Ela argumentou:
- São de uso pessoal, uso uma na segunda-feira, outra na terça, outra na quarta, outra na quinta , outra na sexta, e no fim de semana vou pra praia, uso maiô, e não preciso de calcinhas.
O fiscal reconheceu que ela tinha razão e liberou-a. A mulher seguinte tinha 7 calcinhas de nylon.
- A senhora está fazendo contrabando!!
- Não estou não senhor, são de uso pessoal. Como eu não vou à praia no fim se semana eu necessito de 7, uma por dia.
- Realmente a senhora tem razão, me desculpe, está liberada.
A seguinte era uma portuguesa. Na mala doze calcinhas.
- Isto é contrabando, a senhora só precisa de 7, uma por dia!
- Não sinhore, estas enganado, são de uso pessoal, uso uma em janeiro, outra em fevereiro, outra em março

Um certo Manuel acordara com o testículo esquerdo inchado e dolorido.
Sua mulher então falou lhe:
-Manuel vá até a faculdade, lá os estudantes dão um jeito pra você.
Chegando até a faculdade, Manuel viu um estudante passar e reclamou do seu problema. O estudante prontamente respondeu:
-Mas senhor esta faculdade é de direito.
E o Manuel:
-Ai Jesuis! E eu ia lá ia saber que cada bago tinha uma faculdade!!.

O português foi para o Japão e comprou um par de óculos cheio de tecnologia, com visão de raio-X que mostrava as pessoas sem roupa.
Ele coloca os óculos e vê mulheres peladas. Tira os óculos, mulheres vestidas.
-Ai, Jesus! Que maravilha!
E lá foi Manoel de volta para Portugal, louco para mostrar a novidade para sua mulher.
Na volta, Manoel se sente o máximo admirando as aeromoças peladas.
Mal chega em casa, ele já coloca os óculos para ver a esposa. Entra na sala e vê a a mulher e o compadre José pelados no sofá.
Tira os óculos, pelados! Põe os óculos, pelados!Tira, pelados! Põe, pelados!
-Raios me partam. Esta merda já quebrou!

Joaquim estava acampando com os amigos. À noite ele sai para fazer xixi e vê um bando de índios juntos se aproximando. O portuga volta correndo e grita para os amigos que estavam dormindo:
- Tem um monte de índios vindo para cá! Eles estão a nos atacaire!
- Calma Joaquim. Eles são amigos!
- Ora pois, claro que são amigos, estão todos juntos a nos atacaire!

Joaquim foi servir o exército. Chegando no primeiro dia o sargento manda o portuga para o final da fila. Esperto ele vai e volta rapidinho.
O Sargente esbraveja:
- Eu não mandei você para o final da fila?
- Sim senhor, senhor! Mas chegando lá já tinha outro no meu lugar! Então voltei, Senhor!